Desrespeito ao ciclista faz vítima em Tefé

A cidade de Tefé localiza-se no interior do estado do Amazonas, distante da capital Manaus 516km em linha reta e 633km por via fluvial. Circulam no pequeno perímetro urbano da cidade mais de cinco mil veículos, dos quais em média 90% são de motos. Tal característica torna o transito local caótico e perigoso.

São bastante comuns os casos de acidentes, principalmente envolvendo pedestres e ciclistas. Estes desrespeitados pela ocupação ilegal das calçadas por parte de comerciantes e pela ausência de ciclovias.

Na manhã do dia sete de novembro o desrespeito ao ciclista fez mais uma vitima, o professor da Universidade do Estado do Amazonas Reinaldo Trujillo Sánchez, o professor é originário de Cuba e está na cidade há aproximadamente um ano. Ao dirigir-se de bicicleta a casa de um dos seus alunos o professor foi surpreendido ao ser “fechado” por um caminhão. No choque o professor ficou gravemente ferido, fraturando um dos braços, o nariz e perdendo alguns dentes. No momento o professor encontra-se em observação no hospital regional de Tefé e não correr risco de morte.

A sociedade tefeense espera que o motorista do caminhão seja punido, pois são comuns casos na cidade em que acontecimentos dessa natureza ficam na impunidade. E que o ciclista passe a ter o merecido respeito do poder público e dos demais condutores de veículos.